PRECARIEDADE ROUBA UM QUARTO DO SALÁRIO

Os trabalhadores contratados a termo recebem, em média, salários inferiores em 26% aos dos seus colegas contratados sem termo, revelam os dados mais recentes da Direcção-Geral de Estudos, Estatísticas e Planeamento (DGEEP), relativos a 2005. Em média, os empregados com contratos com duração limitada, ou com outros termos limitativos em matéria de caducidade, receberam em média 3,39 euros naquele ano, enquanto os restantes auferiram um vencimento base (excluindo subsídios de férias, Natal, almoço e todo o tipo de prémios remuneratórios) de 4,6 euros, ou seja 36% superior. Assim, além da insegurança laboral, os contratos precários têm ainda reflexos concretos nos ganhos dos trabalhadores.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: